10.2.17

Não regando a sementinha do "nós"


“7 sinais de que você ainda não superou um amor”. Eu só queria ter certeza de que você não é mais o dono dos meus pensamentos. Eu soube quando vi o textinho que ela publicou pra você. Cheguei a pensar “que porra eu estava fazendo?”. Também vi numa publicação de uma amiga sua de 3 anos atrás que ela desconfiava que vocês estavam de rolo e pensei “como eu pensei que podia substituir isso?”.
Acontece. Os triângulos amorosos sempre direcionaram os maiores romances da história. Não só os grandes, os comuns também precisam de algo (ou alguém) para atrapalhar e (finalmente) fortalecer. Foi a minha chance de contribuir com algo maior que eu. Pena que estive miserável no processo.
Jhonny Depp disse que se você acha que ama duas pessoas ao mesmo tempo, deve escolher a segunda, pois se realmente amasse a primeira, não teria uma segunda opção, e eu realmente acreditei que seria eu, porque (ainda) não acho ela boa para você e via em nós uma compatibilidade extraordinária. Mal sabia eu que esse também é um sintoma da amizade.
Me disseram que na minha posição de sua amiga eu poderia fazê-los terminar. “Eu nunca faria isso!” pensei. E me achei muito inocente por só querer um amor, mas era exatamente o que eu estava fazendo. Queria separar vocês para que houvesse um nós.
Por isso, finalmente apreciei a racionalidade que você manteve com a importância que ela tem, afinal, foi ela o chiclete na sola do sapato da sua relação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário